Pragas na internet. E o Spam, o RGPD não prometeu exterminá-lo?

Veja o novo artigo do DN, com a participação da nossa Directora, Drª. Inês Oliveira – Ver artigo completo

“Inês Oliveira é a DPO (Data Protection Officer, Encarregada de Proteção de Dados) do Ministério da Justiça e uma das responsáveis da associação portuguesa das pessoas com esta profissão recente que ganhou protagonismo com o RGPD (empresas grandes têm de ter alguém com esta função), o APDPO. “Pelo que vemos nos vários Estados membros, podemos concluir que os cidadão estão agora mais cientes dos seus direitos e apresentam mais queixas”, explica.”