Conversas (in)Seguras – O Mercado Profissional da Proteção de Dados no Brasil

Conversas (in)seguras

O Mercado Profissional da Proteção de Dados no Brasil


No próximo dia 10 de Setembro, estamos a organizar mais umas Conversas (in)Seguras, subordinadas ao tema “O Mercado Profissional da Proteção de Dados no Brasil”.

.A carreira de DPO emerge no Brasil por consequência da LGPD, em paralelo com o que aconteceu na Europa com o RGPD/GDPR.

Apesar de a procura ser alta, a carreira ainda se encontra em fase de maturação. Num mercado com perto de 19.2 Milhões de empresas, uma quantidade significativa necessitará dos serviços destes profissionais.

Nesta ação assistiremos a uma análise desse mercado.

Tribunal de Justiça da União Europeia invalida o Privacy Shield

Tribunal de Justiça da União Europeia invalida o Privacy Shield - a Decisão de Adequação da Comissão Europeia que legitimava as trocas de dados entre a UE e os EUA
Antes da entrada em aplicação do RGPD, já a Diretiva 95/46/CE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 24 de outubro de 1995, permitia que as transferências internacionais de dados fossem legitimadas por um instrumento da UE a que se deu a denominação de decisão de adequação.

Conversas (In)Seguras – Comentário à delibração da CNPD sobre o controlo das praias

Conversas (in)Seguras

Comentário à delibração da CNPD sobre o controlo das praias.

No próximo dia 6 de agosto, vamos estar à conversa com a nossa associada Paula Silva Lopes, Presidente e CEO do Portugal Legal Summit e Diretora do Centro de Negócios da Portuguese Chamber of Commerce in Ireland, advogada com vasta experiência no âmbito das tecnologias, que terá oportunidade de cicunstanciar e comentar a delibração em causa.

Esta sessão é aberta a ASSOCIADOS APDPO (poderão trazer um convidado), sendo a informação de participação oportunamente enviada por email.

Caso queira desde já garantir o seu lugar pode fazer a sua pré-inscrição para geral@dpo-portugal.pt.

Covid-19: Projeto da aplicação de rastreio está a ser revisto – INESC TEC

Notícia

Covid-19: Projeto da aplicação de rastreio está a ser revisto - INESC TEC

Reiterando a questão prévia que assinalámos - que não é provada a adequação desta medida no combate à pandemia - importa destacar que esta solução tecnológica é mais um exemplo de empoderamento dos cidadãos, ao adotar o consentimento como condição de licitude do tratamento, sendo, pois, o consentimento um verdadeiro escudo de privacidade. Por outro lado, e mau grado, vem mostrar que as nossas organizações podem não estar preparadas para cumprir a obrigação de proceder a uma avaliação de impacto de forma curial.

Transição Portugal Digital

No Plano de Ação para a Transição Digital de Portugal, apresentado pelo Governo no passado dia 5 de março, são vários os pilares estratégicos e objetivos elencados para a digitalização do nosso país. Neste, identificam-se 3 catalisadores chave: a institucionalização de um ambiente regulatório que permita explorar o potencial da economia de dados e tecnologias - respeitando princípios de ética, privacidade e segurança, a aposta no reforço e modernização da infraestrutura digital e a valorização e comunicação à escala global da aposta digital em Portugal.

Normas de proteção de dados da UE capacitam cidadãos

Notícia

Normas de proteção de dados da UE capacitam cidadãos e são adequadas à era digital

Bruxelas, 24 de junho de 2020
Comissão Europeia - Comunicado de imprensa

Hoje, pouco mais de dois anos após a sua entrada em vigor, a Comissão Europeia publicou um relatório de avaliação do Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (RGPD). O relatório revela que o RGPD cumpriu a maior parte dos seus objetivos, em especial proporcionando aos cidadãos um conjunto sólido de direitos oponíveis e criando um novo sistema europeu de governação e de aplicação.

Conversas (in)Seguras – Os desafios de proteção de dados em tempos de pandemia

Numa altura em que muitas empresas ainda não estão totalmente adaptadas a um possível “novo normal”, muitos intervenientes são chamados a atuar em diversas frentes. No âmbito do RGPD, o DPO assume especial papel no apoio às empresas, pelo seu conhecimento especializado em interpretação e aplicação do RGPD.

No próximo dia 2 de Julho, vamos estar à conversa com Sílvio Gomes, Director de Projectos da Compliance Way, DPO com vasto know how, que partilhará a sua experiência, os desafios que tem encontrado e o modo como os está a superar.

Esta sessão é aberta a associados APDPO (poderão trazer um convidado), sendo a informação de participação oportunamente enviada por email. Caso queira desde já garantir o seu lugar pode fazer a sua pré-inscrição para geral@dpo-portugal.pt

Conversas (in)Seguras – Apresentação de Livro

É com grande satisfação que anunciamos a realização das próximas Conversas (in)Seguras, desta feita com um formato diferente: Apresentação de um livro, em videoconferência.
O Professor Doutor Alexandre Sousa Pinheiro estará connosco para apresentar a obra de que é coordenador, “Comentário ao Regulamento Geral de Proteção de Dados”.

Este é também o primeiro momento em que divulgamos a imagem que produzimos para as Conversas (in)Seguras. Esperemos que seja do seu agrado.

Desta feita decidimos abrir a participação a um convidado por associado para que possa estar connosco nesta apresentação, tendo já seguido email para todos os associados com toda a informação necessária para participação.

Ver noticia